Please use this identifier to cite or link to this item: http://carpedien.ien.gov.br:8080/handle/ien/2783
Tipo: mastherThesis
Título: Uso de sílica mesoporosa com núcleo magnético decorada com anticorpo monoclonal (trastuzumabe) e radiomarcada com tecnécio 99 metaestável em modelo intratumoral de imagiamento
Autor(es): Portilho, Filipe Leal
Primeiro Orientador: Santos-Oliveira, Ralph
Resumo: O câncer de mama é o tipo de câncer mais comum das mulheres, com uma mortalidade de mais de 508.000 mortes por ano. Um dos principais problemas relacionados ao câncer de mama se baseia na detecção precoce, como também no tratamento especializado. Nessa direção foi desenvolvido, caracterizado e testado in vivo um sistema de entrega inteligente, baseado na sílica mesoporosa com núcleo magnético dopada com trastuzumabe e radiomarcada como modelo intralesional de imagiamento de câncer de mama e possível terapia. Os resultados mostraram que as nanopartículas tinham um tamanho de 58,9 ± 8,1 nm, com área superficial específica de 872 m2/g e volume de poro de 0,85 cm3/g com um diâmetro de poro de 3,15 nm. O núcleo magnético de sílica mesoporosa foi eficientemente radiomarcado com 99mTc (97,5% ± 0,8) e dopado com trastuzumabe > 98%. O ensaio de citotoxicidade demonstrou que elas são seguras de usar. Os dados foram corroborados com o resultado de IC50 de: 829,6 mg ± 43,2. A biodistribuição mostrou uma captação pelo tumor de 7,5% (via sistêmica) e 97,37% (intralesional) com menos de 3% dessas nanopartículas absorvidas pelos tecidos sadios. Em um período de seis horas pós-injeção, nenhuma barreira delimitada pelo tumor foi ultrapassada, corroborando o uso como nanorradiofármaco intralesional.
Abstract: Breast cancer is women’s most common type of cancer, with 508,000 deaths per year. One of the main issues related to breast cancer relies in the early detection, as the specialized treatment. In this direction we developed, characterized and tested in vivo a smart delivery system, based on radiolabelled magnetic core mesoporous silica doped with trastuzumab as intralesional nanodrug for breast cancer imaging and possible therapy. The results showed that nanoparticles had a size of 58.9 ± 8.1 nm, with specific surface area of 872 m2/g and pore volume of 0.85 cm3/g with a pore diameter of 3.15 nm. The magnetic core mesoporous silica was efficiently labelled with 99mTc (97.5% ±0.8) and doped > 98%. The cytotoxicity assay, demonstrated they are safe to use. The data were corroborated with the IC50 result of: 829.6 mg ± 43.2. The biodistribution showed an uptake by the tumour of 7.5% (systemic via) and 97.37% (intralesional) with less than 3% of these nanoparticles absorbed by healthy tissues. In a period 6-h post-injection, no barrier delimited by the tumour was crossed, corroborating the use as intralesional nanodrug.
Palavras-chave: Nanopartículas
Sílica mesoporosa magnética
Câncer
Oncologia
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Instituto de Engenharia Nuclear
Sigla da Instituição: IEN
???metadata.dc.publisher.department???: Instituto de Engenharia Nuclear
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-graduação em Ciências e Tecnologias Nucleares
Tipo de Acesso: openAccess
URI: http://carpedien.ien.gov.br:8080/handle/ien/2783
Data do documento: Feb-2019
Appears in Collections:Dissertações do PPGIEN

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
dissertação mestrado ien 2019 Filipe Leal Portilho.pdf4,71 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.