Please use this identifier to cite or link to this item: http://carpedien.ien.gov.br:8080/handle/ien/810
Tipo: Thesis
Título: Avaliação da solubilidade em líquido pulmonar simulado dos metais presentes no rejeito gerado por uma indústria metalúrgica de zinco
Autor(es): LIMA, Rosilda Maria Gomes de
Primeiro Orientador: AFONSO, Julio Carlos
Membro(s): CARDOSO, Jari Nóbrega
TEIXEIRA, Viviane Gomes
DUTRA, Achilles Junqueira Bourdot
LAPA, Celso Marcelo Franklin
CRISPIM, Verginia Reis
Abstract: O presente estudo avalia a solubilidade em líquido pulmonar simulado de partículas de metais geradas pela ação do intemperismo sobre o rejeito sólido estocado a céu aberto, pertencente a Cia Mercantil Ingá, localizada na Ilha da Madeira, Baia de Sepetiba, Rio de Janeiro. Amostras de bioindicadores transportados para a região e coletados alguns meses depois indicaram que os habitantes da Ilha da Madeira tem estado expostos a elementos-traços como zinco, cádmio, mercúrio e chumbo, produzidos no processamento industrial dos minérios hemimorfita e willemita para obtenção de lingotes de zinco. Ensaios de solubilidade do rejeito sólido em líquido pulmonar simulado (LPS) numa base temporal variando de 10 minutos a 1 ano e determinadas quantitativamente por PIXE (Particle Induced X Ray Emission), comprovam que os habitantes podem estar contaminados com estas substâncias. Os parâmetros específicos de solubilidade obtidos nos estudos experimentais para os metais Zn, Cd, Cr, Ni e Mn presentes na fração de dissolução rápida no líquido pulmonar simulado foram 0,945; 0,473; 0,226; 0,3 e 0,497 respectivamente, e os tempos de seus respectivos valores de meia vida de dissolução para a fração rápida foram fr = 2,082 dias; fr = 0,09 dias; fr = 0,37 dias; fr = 0,332 dias e fr = 0,99 dias e para a fração de dissolução lenta foram fr = 146,95 dias; fr = 63 dias; fr = 86,64 dias; fr = 79,66 dias e fr = 59,84 dias. Esses valores indicam que esses metais apresentam uma absorção moderada no líquido pulmonar simulado e podem ser classificados como tipo M, conforme orientação da Comissão Internacional de Proteção Radiológica (ICRP). O uso dos parâmetros de solubilidades permitiu uma representação mais realista do comportamento cinético da escória dentro do corpo humano e, consequentemente, uma avaliação mais realista de risco do trabalhador devido à inalação de aerossóis contendos os metais Zn, Cd, Cr, Ni e Mn.
URI: http://hdl.handle.net/ien/810
Data do documento: 2012
Appears in Collections:Radioquímica e Química Nuclear - Teses e Dissertações dos Servidores do IEN

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ROSILDA LIMA D.pdf2,27 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.